domingo, 27 de janeiro de 2019

"Green Book: Um Guia Para a Vida" em análise

Para primeira crítica aqui do blogue, decidi falar deste filme que estreou na passada quinta-feira: Green Book - Um Guia Para a Vida, aquele que era o filme dos nomeados aos Óscares que eu mais queria ver, em grande parte por gostar bastante do Viggo Mortensen (talvez por, para além de ser um ator do caraças, ser o eterno Aragorn e sei que quem é fã d’O Senhor dos Anéis também partilha deste sentimento). Então, claro, fui ver este filme logo no dia da estreia, no velhinho Cinema Monumental em Lisboa, que está prestes a fechar portas. 


Apesar da minha ansiedade para o ver, admito que não tinha as expectativas muito elevadas e apenas queria saber por onde me ia levar esta viagem. Não conhecia a história em que o filme se baseia e muito menos alguma vez tinha ouvido falar de um tal Don Shirley (que é a personagem interpretada por Mahershala Ali). No entanto, pelo trailer, pareceu-me que o filme estava bastante ligado à música Jazz, o que me agradou.

Realizado por Peter Farrelly, o filme acompanha Tony Vallelonga (ou Tony Lip, a sua alcunha), um homem um pouco racista que precisa de dinheiro e é contratado por Don Shirley, um negro. E é quando ambos partem numa longa viagem que faz parte da digressão de Don Shirley que Tony começa a ver com outros olhos. 


O filme apresenta uma trama bastante simples, mas bem estruturada, que é fundamental para o seu sucesso. Divide-se em momentos negativos (se assim lhes podemos chamar), nos quais vemos o racismo de que Shirley é alvo, e em momentos positivos e alegres, que nos presenteiam com a amizade de ambos ou com os concertos incríveis do músico.

A simplicidade deste filme até nos leva ao KFC e apresenta-nos um Viggo Mortensen a lambuzar-se todo com asinhas de frango picantes, enquanto o seu amigo se recusa a sujar as mãos com a comida gordurosa, num momento bastante engraçado.

Para além de ser Um Guia Para a Vida, este filme torna-se também num guia para deixar o público feliz, pois não tem mesmo por onde falhar. Apresenta-nos grandes interpretações, uma excelente cinematografia e um argumento com um plot simples, mas com cenas minuciosas e bastante bem pensadas. É um filme sem surpresas, bastante direto e coerente. Existem momentos previsíveis, que, no entanto, nos deixam felizes e um tanto emocionados.

Apesar de ter sido um dos filmes que mais gostei dos oito que estão na corrida para vencer o Óscar de Melhor Filme deste ano, tenho de ser sincera e dizer que tenho muitas dúvidas de que se saia vencedor, pelo facto de me parecer que existem outros que têm mais hipóteses de vencer por serem os favoritos do público. Ganhando ou não, este Green Book será certamente considerado um clássico daqui a alguns anos.

9/10
SOBRE A AUTORA

Estudante de Cultura e Comunicação, com uma grande admiração pela sétima arte. Vejo filmes desde criança e sempre tive um gosto especial pelas animações. Vi na criação deste espaço o local ideal para ligar este meu interesse à escrita, da qual também tanto gosto.

8 comentários:

  1. Quero muito ver o filme, mas ainda não vi. Ver se o consigo ver em breve! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  2. Uma critica positiva,
    ao filme em questão
    por bem seja entendida
    essa é a minha opinião!

    Boa noite e bons sonhos!

    ResponderEliminar
  3. Confesso que ainda não tinha ouvido falar do filme, mas parece-me que tem tudo para me agradar. Vou adicioná-lo à minha lista :)

    ResponderEliminar
  4. muito obrigado, querida Joana :)
    comigo está tudo bem, sim, e contigo?!

    sê bem-vinda de novo, com o teu novo projeto. acho que este género de blogs apareceu na melhor das alturas, já que ando com uma necessidade gigante de me começar a prender a filmes, séries e tudo o que isso envolve!!!

    segui-te :*

    NEW CITY BREAKS POST | WELCOME TO LX FACTORY @LISBON!
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  5. Ainda não vi este filme, mas tenho de admitir que estou curiosa. Se quero ver 100 filmes este ano, este vai decididamente para a minha lista xD

    ResponderEliminar
  6. Vi o filme no fim-de-semana passado.
    Gostei imenso. Viggo Mortensen, está excelente.
    Adoro cinema, vou passando.

    ResponderEliminar
  7. Bem, depois desta descrição tenho mesmo de o ver. Ainda só vi um dos nomeados, mas quero ver se os vejo todos antes :p

    ResponderEliminar