terça-feira, 31 de dezembro de 2019

Os nossos filmes favoritos de 2019!

Assim chegamos ao final de mais um ano! 2019 trouxe o início deste espaço, que decidimos criar para partilhar o nosso gosto pelo Cinema. Daqui a nada até a nossa pequena Companhia Cinéfila já está a celebrar o seu primeiro aniversário, o que nos deixa muito felizes. Mas não é sobre isso que falamos hoje! Com o final de mais um ano, chegou a hora de decidir quais foram os nossos filmes favoritos. Decidimos, então, reunir, cada um de nós, o seu Top 5. Aqui seguem as nossas escolhas! 
Atenção, com alguma pena nossa - para evitar confusões -, aqui só incluímos filmes datados de 2019, o que, infelizmente, exclui outros que chegaram aos cinemas nacionais somente este ano, mas foram lançados ou estrearam em algum festival em 2018 (é o caso de Green Book – Um Guia Para a Vida e Dragon Ball Super Broly, por exemplo). Acrescentamos ainda que houve muitos filmes que ainda não vimos (ex.: O Irlandês) e outros que não vimos em conjunto. 

OS FAVORITOS DO DIOGO CORREIA

LE MANS '66: O DUELO (2019) DE JAMES MANGOLD 

Lembram-se do espetáculo que foi ver Rush no cinema em 2013? Eu certamente não, pois foi um filme que, infelizmente, não consegui ver no grande ecrã e tive de me sustentar com um surround caseiro. Ao adorar aquele filme, era claro que, pelas pequenas semelhanças, não podia deixar este escapar. E não me desiludiu. James Mangold continua a provar que não é um realizador que só faz filmes bons ocasionalmente, mas que já os faz desde o início da sua carreira, que começou a ser mais valorizada quando Logan (2017) saiu. Christian Bale e Matt Damon têm performances fortes e a história é muito motivadora. Para quem não conhece os acontecimentos que o filme retrata (ou até mesmo aqueles que sabem) é um filme que vale a pena ver, gostem ou não de corridas de carros. 


AVENGERS: ENDGAME (2019) DE ANTHONY E JOE RUSSO 

Claro que este filme ia acabar na lista. Eu presenciei o início desta saga em 2008, preferindo ir com os meus pais ver o Iron Man que o Indiana Jones no seu quarto filme - figura essa com que os meus pais cresceram, da mesma maneira que eu cresci com os heróis da Marvel. É um clímax perfeito para esta longa série de filmes. Gostaria que a MCU ficasse por aí? Gostava. Importo-me que venha mais? Um bocado, mas há sempre espaço para contar histórias dos heróis da banda desenhada. Desde que não gastem a mesma fórmula repetidamente, tudo ok! 


PARASITAS (2019) DE BONG JOON HO 

Eu sou fã deste realizador desde criança, como mencionei na minha análise. E se dissesse que tinha um hype astronómico para este filme seria dizer pouco. E nem assim o filme desiludiu. Contra tanta alta expectativa, o filme ainda conseguiu elevar-se mais. Se isto é dizer pouco sobre o quanto adorei o filme, não sei que mais acrescentar. 


KNIVES OUT – TODOS SÃO SUSPEITOS (2019) DE RIAN JOHNSON 

Oh sim, o realizador mais odiado desta década não sabe escrever nem realizar filmes… “Hold my beer”, disse Rian Johnson. Digam o que disserem do The Last Jedi (2017), é de notar que qualquer outro filme dele, ou episódios de séries como Breaking Bad, nunca foram mal recebidos. Foram até muitas vezes bem vistos pela sua originalidade e narrativa. Knives Out é mais um desses exemplos, sendo um filme interessante, cómico e emblemático do início ao fim, cativando ao máximo o espectador, pedindo-lhe que o acompanhe nesta longa e afiada (wink wink) aventura. 


O FALCÃO MANTEIGA DE AMENDOIM (2019) DE TYLER NILSON E MICHAEL SCHWARTZ 

Foi o filme que mais me fez sentir bem no cinema. É uma história inspiradora e emocionante, que acaba por não deixar ninguém irrelevante. É simples, desde a narrativa até aos aspetos técnicos, mas sente-se ali bastante alma e coração, especialmente nas caracterizações dos atores. É pena que o filme daqui a uns tempos já não estará no radar de ninguém, e devo admitir que até do meu já tinha desvanecido ao longo dos meses. Mas agora que fiz esta lista lembrei-me da pequena, rica e inesquecível aventura que vivi com aquelas personagens. 


OS FAVORITOS DA JOANA GRILO

PASSÁMOS POR CÁ (2019) DE KEN LOACH 

O novo filme de Ken Loach foi um autêntico tiro no coração. Foram vários os filmes que me marcaram este ano, tanto positiva como negativamente, mas nenhum teve a força deste Passámos por Cá. É duro de se ver e no final deixa-nos sem esperança para o nosso futuro. É também uma lição, um aviso de que a sociedade deve mudar. O modo como a família protagonista é apresentada, ao início com alguma ambição e a sorrir perante o que o lhe está reservado e no final sem uma réstia de esperança, é preocupante, especialmente quando percebemos que caminhamos para o mesmo destino. A construção das personagens faz com que nos preocupemos com eles, o que torna o final muito emocionante. 


JOKER (2019) DE TODD PHILLIPS 

Admito que quando soube que o Joker ia ser interpretado por Joaquin Phoenix fiquei de pé atrás, mas assim que vi o primeiro trailer do filme tudo mudou e acabei por ir para a sala de cinema com grandes expectativas, que claramente foram atingidas e ultrapassadas. Este Joker é qualquer coisa. O modo como desconstrói o famoso vilão da DC Comics, como lhe entrega uma história, como volta a construí-lo, tornando-o numa pessoa que sempre viveu rejeitada numa sociedade que apenas dá importância aos mais ricos e que ignora os pobres e infelizes, fazendo com que inevitavelmente consigamos entender os seus motivos… É arrepiante ver uma personagem atingir o fundo do poço e a reerguer-se por maus caminhos, em sinal de desespero. Acompanhar a evolução de Arthur e vê-lo a tornar-se no “Rei do Crime” foi uma das melhores experiências que vivi este ano nos cinemas. No final fiquei sem palavras. Este filme é absolutamente genial, quer para fãs da DC ou para todos os outros que podem nem conhecer o Joker. Não é um filme de “super-heróis”. É um que consegue explorar o nosso lado psicológico e no final leva-nos a refletir. 


TOY STORY 4 (2019) DE JOSH COOLEY 

Este era um dos meus filmes mais antecipados, pois sempre fui fã do Woody, Buzz e companhia. Até então as outras três longa-metragens não me tinham desiludido, o que fez com que também fosse ver este quarto capítulo com grandes expectativas. Acredito que desta vez foi realmente o final da história e fiquei feliz com o resultado. Não sabia que precisava desta sequela, mas soube-me bem vê-la, ver o regresso das personagens de quem tanto gosto e também a chegada de outras novas que rapidamente foram capazes de conquistar o meu coração. 


MARRIAGE STORY (2019) DE NOAH BAUMBACH 

Vi este filme por acaso e no final fiquei deslumbrada, essencialmente com as soberbas interpretações de Scarlett Johansson e Adam Driver, que mostram que são grandes atores e transmitem uma química brilhante. O filme entrega uma premissa simples, mas presta uma minuciosa atenção aos detalhes, capaz de o elevar a outro patamar. Apenas fiquei a lamentar não poder tê-lo visto numa sala de cinema, mas como já se sabe este também foi o ano em que os canais de streaming deram os maiores passos... 


FOTOGRAFIA (2019) DE RITESH BATRA 

Este é outro filme em que a simplicidade é sublime. Mais uma história pouco complexa que marca pelas relações interpessoais. Ritesh Batra sabe como tratar as suas personagens e também como levar o seu público a viajar. Assim como aconteceu com A Lancheira (2013), voltamos a aterrar na Índia e somos levados pelos vários espaços turísticos da cidade. Vemo-la através dos olhos de quem lá vive. Este filme é uma viagem rica culturalmente e que no final fará com que nos sintamos felizes com a tranquilidade que transmite.


MENÇÃO HONROSA - A GRANDE ESCOLHA DA COMPANHIA CINÉFILA

MUTANT BLAST (2018) DE FERNANDO ALLE

O único motivo pelo qual este filme não aparece nos Tops acima é porque foi apresentado no Motelx de 2018, o que vai contra as regras que nós próprios estabelecemos de que iríamos apenas escolher filmes com data de lançamento em 2019. Só que, lá está, a data de lançamento de Mutant Blast leva-nos para Outubro deste ano, pelo que faz todo o sentido que este filme esteja aqui presente, pois foi um daqueles que mais gozo nos deu ver. É uma verdadeira viagem. Se dividirmos o filme em três partes e dermos cada uma a pessoas diferentes no final as três vão garantir que viram filmes com géneros distintos. Só que tudo unido resulta em algo completamente único. Uma experiência que só vista é que tem graça! Vale a pena. 

E desse lado, quais são os vossos favoritos?
A Companhia Cinéfila deseja a todos um próspero ano de 2020! 🎉🥳
SOBRE OS AUTORES

Este artigo foi escrito pela Joana e pelo Diogo, a Companhia Cinéfila. Isto nem sempre acontece, mas às vezes reúnimos as nossas opiniões e debatemos para criar um artigo em conjunto! 😉

10 comentários:

  1. Joana,
    Um 2020 bem bonito assim como tu és! Cheio de emoções e "movies"
    Beijos!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, caro Douglas. Votos de um maravilhoso ano de 2020 para si também! 🎉

      Eliminar
  2. Eu Joker e achei incrível, um dos melhores filmes de 2019 com toda certeza.
    Toy Story me decepcinou um pouco, sei lá, talvez eu esperasse mais...
    Também não gostei muito de Marriage Story, mas é gosto pessoal, eu não curto muito filmes assim. Os outros ainda não vi.
    Mas de modo geral 2019 teve ótimos filmes!
    Feliz Ano Novo, que 2020 seja incrível para todos nós! ♥

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então, e para além do "Joker", quais foram os teus filmes favoritos de 2019? Tem um excelente ano de 2020, Valéria! 😊

      Eliminar
  3. Em paz, com saúde e alegria, para si Joana e para a sua família desejo FELIZ ANO NOVO.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, caro Eduardo. Votos de um maravilhoso ano de 2020 para si também! 😊

      Eliminar
  4. Quero tanto ver o Toy Story 4 *-*

    Um excelente ano para vocês 🍀

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Certamente vais adorar! Um excelente ano para ti também, Andreia! 😊

      Eliminar
  5. Em 2019 desleixei-me no que toca a filmes (vi 37), optando mais pelas séries, mas em 2020 quero elevar este número :p
    O único que vi desta lista foi Avengers: Endgame e adorei!
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esperemos que em 2020 atinjas esse objetivo! Bom ano! 😜

      Eliminar