quinta-feira, 2 de julho de 2020

Cinemas NOS reabriram hoje com bilhetes a preço reduzido

Após o encerramento em Março devido à propagação do Coronavírus (COVID-19) em Portugal, os Cinemas NOS reabriram hoje as suas salas, depois de estarem reunidas as condições necessárias para se voltar a viver as emoções do grande ecrã. Para um regresso em grande, para além do reforço da segurança dos espectadores e colaboradores, está prometido o regresso de grandes estreias cinematográficas e também de filmes de culto, como as obra-primas de Christopher Nolan que vão anteceder a estreia de Tenet (agora adiada para Agosto), a começar com Dunkirk (2017).


Em comunicado à impressa, afirma-se que “as salas de Cinema NOS reabriram totalmente preparadas para o regresso ao grande ecrã após uma profunda reorganização de todos os processos de segurança e protocolos operacionais, inerentes ao funcionamento de uma sala de cinema. Todos os complexos da NOS Cinemas estão em cumprimento com as medidas de saúde e segurança definidas pela DGS, tendo-se ainda tomado a iniciativa adicional de recorrer a um processo independente de certificação, realizado pelo ISQ (Instituto da Soldadura e Qualidade), para validar todos os procedimentos exigidos. Foi assim atribuída a certificação com o Selo de Confiança - na categoria de ‘Safe Places. Safe People’- a todas as salas de cinema da NOS. Este Selo de Confiança é emitido exclusivamente após a realização dos serviços de monitorização e implementação dos procedimentos previamente aprovados e tem a validade de um ano sendo efetuadas auditorias de acompanhamento com uma periodicidade trimestral”.

Dito isto, seguem-se as regras de segurança adotadas pelos Cinemas NOS: “Salas desinfetadas por nebulização, reforço de limpeza das salas e dos espaços comuns, monotorização online e permanente dos sistemas de ventilação e qualidade de renovação do ar, uso obrigatório de máscara por colaboradores e clientes, gel desinfetante em vários pontos, circuitos diferenciados de circulação de entradas e saídas e sinalética própria, são algumas das novas medidas implementadas pela NOS Cinemas, conferindo total segurança na permanência dentro dos seus espaços. Todos os lugares são marcados por forma a garantir o distanciamento de segurança de um lugar (lugares alternados e desencontrados na fila), eliminação de intervalos e os horários das sessões são mais espaçados de forma a permitir mais tempo para o reforço da higienização das salas entre cada sessão. Adicionalmente, o sistema de bilhética foi adaptado e de uma forma dinâmica ajusta as distâncias de segurança aos lugares marcados (tanto em forma individual como em família). A compra online de bilhetes e agora também de produtos de bar, através da app, é particularmente recomendada como a preferencial, quer antecipadamente ou no local. Todos os Kiosks e outros pontos de selfvending têm agora acoplados doseadores de gel desinfetante e toalhetes e serão alvo de limpeza regular. Na zona das bilheteiras e bares foram instalados painéis de proteção em acrílico para segurança de colaboradores e clientes”.

Nesta fase inicial de reabertura, os filmes em exibição serão aqueles que, de um certo modo, ficaram pendentes devido à situação. Adiadas muitas das grandes estreias, neste momento o catálogo dos Cinemas NOS é formado por 1917, À Espreita do Mal, A Verdade, Agente Super-Secreto, Annabelle 3 - O Regresso a Casa, Bad Boys Para Sempre, Birds Of Prey (E a Fantabulástica Emancipação de uma Harley Quinn), Bloodshot, Bora Lá, Freaks, Jumanji: O Nível Seguinte, Martin Eden, Mulherzinhas, O Caminho de Volta, O Paraíso, Provavelmente, O Rececionista, Os Melhores Anos da Nossa Vida, Parasitas, Quem é que Manda Aqui?, Retrato de Uma Rapariga em Chamas, Sonic - O Filme, The Gentlemen – Senhores do Crime e Uma Vida Alemã. Aposta-se ainda mais no cinema português, com a estreia de Faz-me Companhia de Gonçalo Almeida. Temos também o regresso de Dunkirk de Christopher Nolan. Todas as sessões e respetivos horários podem ser consultados em cinemas.nos.pt.

Nesta fase inicial, até dia 22 de Julho, de forma a incentivar o regresso às salas de cinema, os preços dos bilhetes serão reduzidos. Assim, o bilhete para uma sessão normal (2D) será de 5€, enquanto que para as salas com formatos inovadores - IMAX, 4DX, ScreenX e XVision – o preço do bilhete será, durante este período, de 7€

Ficamos atentos a mais novidades. Por agora, desejamos a todos um bom regresso aos cinemas! 🍿

QUEM ESCREVEU ESTE ARTIGO?

Um grilo falante que lê livros, vê filmes e coleciona figuras e outras tralhas. Tenho um grande gosto pelos grandes clássicos e pelas animações. Na minha lista de longa-metragens favoritas estão E Tudo o Vento Levou (1939), Cinema Paradiso (1988), Forrest Gump (1994) e La La Land (2016).

1 comentário: